Com frota equipada e motoristas treinados, Metrobus inicia operação do novo sistema de bilhetagem

A frota da Metrobus está equipada e os motoristas capacitados para operar o novo sistema de bilhetagem eletrônica, que começa a funcionar a partir deste sábado (23), no transporte público de Goiânia e Região Metropolitana. A tecnologia foi lançada na quarta-feira (20), pela RedeMob Consórcio em conjunto com as empresas de ônibus, e traz neste primeiro momento, entre as novidades, a biometria facial de passageiros beneficiados com gratuidade e a recarga de crédito a bordo via cartão. 

Desde dezembro de 2020, os motoristas da Metrobus passaram por um treinamento para o aperfeiçoamento do uso da tecnologia e também para facilitar o acesso dos passageiros aos ônibus em caso de dúvidas. “A nossa frota está preparada para operar o sistema”, afirma o gerente de Transportes da Metrobus, João de Castro Torres. O sistema foi instalado em 86 ônibus da Metrobus, nos nove terminais e nas 19 estações do Eixo.   

Criado pela Samsung, o novo sistema que já é utilizado em capitais como Manaus, Rio de Janeiro e São Paulo, deve garantir mais agilidade no embarque e reduzir fraudes, como a utilização de cartões comunicados como roubados ou extraviados pelos clientes.

A previsão é que, com a continuidade da implantação no decorrer do primeiro semestre de 2021, o novo sistema tenha a adesão de novas formas de pagamento da passagem, como via cartão de crédito, de débito, QR Code e também via conta corrente virtual, modelo de pagamento conhecido como pagamento baseado em conta (ABT). A transição será de forma automática e não demanda troca dos cartões ou atualização de cadastro.  

A partir de 23 de janeiro, o passageiro deverá apresentar o seu cartão Sitpass no novo equipamento - o antigo será desligado e retirado gradativamente de dentro dos ônibus. A coleta de foto para o cadastro inicial dos passageiros da terceira idade será realizada pela própria máquina ao ingressar em um terminal ou dentro do ônibus, na hora do embarque, e levará apenas alguns segundos, sem a necessidade de nenhuma ação específica do usuário.  

Mais vantagens
Outras funcionalidades serão permitidas com a continuidade da implantação do novo sistema de bilhetagem ao longo de 2021, como a gestão on-line dos equipamentos em operação (identificação dos equipamentos operantes e não operantes), abertura e fechamento de serviço de forma automática e remota e transferência automática e rápida dos dados de toda a frota, via Wi-Fi.

Migração

Para migrar o cartão o cliente deverá seguir os seguintes passos quando do primeiro uso do cartão no validador amarelo:

Retirar o cartão da bolsa ou carteira;
Aproximar o cartão do novo equipamento (validador amarelo);
Aguardar pela mensagem “Processo Finalizado” (até10 segundos);
Aproximar novamente o cartão no novo equipamento (validador amarelo) para liberação da catraca.
Caso não consiga utilizar o cartão Sitpass o usuário deve procurar a bilheteria de um terminal de integração (se for o cartão Fácil), ou a Loja Sitpass (Cartão Fácil e demais produtos) para solução do problema.

 

Foto: Divulgação/RedeMob

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e Política de Cookies , ao continuar navegando, você concorda com estas condições.